ALBERTO ARAÚJO - MEU RECANTO
Contos, versos e sentimentos à flor da pele.
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


EU SOU... (A POESIA DO POETA)





Um horizonte
Entre o viver
- E a seta no centro do alvo

A voracidade
- o aço no cio

Uma montanha verdejante
- a lei da natureza

A claridade de janeiro
Até dezembro
- o sol do meio dia

A metáfora em forma
De frestas
- os pontos cardeais

A vidraça do arranha-céu
- os cabelos de Vênus

A química perfeita
- as pétalas em carne viva

Aquele que arrebata
- que salta cego

O relógio da matriz
- nuvens azuis turquesa

Os quatros elementos
- Ar, terra, fogo e água

A divindade abstrata
E concreta

A lógica, a flor crepitante
- razão, e sentimentos

A poesia do poeta.


ALBERTO ARAÚJO
Enviado por ALBERTO ARAÚJO em 25/10/2008
Copyright © 2008. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários