ALBERTO ARAÚJO - MEU RECANTO
Contos, versos e sentimentos à flor da pele.
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


SENHOR MEU REI




                                   “1 Tu que estás sob a proteção
                                       do altíssimo/ e moras à sombra
                                       do Onipotente, 
                                    2 dize ao Senhor: “meu refúgio
                                       minha fortaleza/ meu Deus, em
                                       que confio” 

                                                           Salmo 91, 1,2 vs


Senhor,

Fazei com que eu seja

Integro e humilde


Se chover eu contemple

Os pingos da chuva


Nunca lamentar o que eu

Não posso ter


Talvez minha vida seja curta

Mas que saiba viver com intensidade


Assim como os Sóis

Que despertam as manhãs


Alegrar-me com o sorriso

De uma criança


Agradecer a tua água

E o teu pão de cada dia


Ser sempre um ombro amigo

De coração bondoso


Para que no meu mundo

Eu possa sentir teus braços fortes

Perante os tropeços da vida

Amém!

ALBERTO ARAÚJO
Enviado por ALBERTO ARAÚJO em 05/03/2009
Alterado em 05/03/2009
Copyright © 2009. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários