ALBERTO ARAÚJO - MEU RECANTO
Contos, versos e sentimentos à flor da pele.
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


O GRITO (2)




1

Grita:
no espelho, na pedra, no papel, no ouro outonal
etcétera e tal

e o tempo 
é um poema, poema-mor
onde os pássaros vêem os seus segredos


2

Grita:
na árvore, no ninho, no sono recatado
no entardecer coroado
??? e ...

e o tempo
é um pássaro, pássaro-realeza
(on – off)
onde o tempo
vê sua beleza


ALBERTO ARAÚJO
Enviado por ALBERTO ARAÚJO em 13/12/2010
Alterado em 13/12/2010
Copyright © 2010. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários