ALBERTO ARAÚJO - MEU RECANTO
Contos, versos e sentimentos à flor da pele.
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


A POESIA






Trago-te a poesia
em uma redoma
e em toda cadência - o amor

memórias atrozes
moduladas na alma
que até o vento se acalma

apenas um pedido: - faça
do amor
uma poesia em flor

que os ritos
sejam mensuráveis
entorpecidos

um barco a navegar
no mar
um farol aceso no coração
terras férteis
e passarinhos no céu
a flutuar



pelo dia da poesia




caros amigos

visitem os blog.

texto publicado no portal do poeta brasileiro


http://portadopoetabrasileiro.blogspot.com/ 

e no blog:

http://albertaraujo.blogspot.com/ 
ALBERTO ARAÚJO
Enviado por ALBERTO ARAÚJO em 14/03/2011
Alterado em 14/03/2011
Copyright © 2011. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários