ALBERTO ARAÚJO - MEU RECANTO
Contos, versos e sentimentos à flor da pele.
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


A   (DES)EVOLUÇÃO






Uma semente...
Uma pedra...
Um animal...
As pálpebras do tempo
revertem o teu fulgor,
passa o tempo demasiadamente
entre os dedos,

A semente brota do chão uma flôr,
a pedra encontra  seu caminho,
o animal reproduz sua réplica
com sentimentos rarificados,

A semente transforma-se em árvore
a pedra em rochedo
animal toma forma de anjo

A semente vira árvore madura
A pedra vira montanha,
O animal homem feito

A árvore vira LENHA  para o lenhador
A montanha vira um ARRANHA CÉU
O homem DESTRÓI TUDO...
ALBERTO ARAÚJO
Enviado por ALBERTO ARAÚJO em 15/03/2007
Alterado em 15/03/2007
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários