ALBERTO ARAÚJO - MEU RECANTO
Contos, versos e sentimentos à flor da pele.
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


SENSATEZ





Quero sim, como quero...
não é coisa inconsequente
Quero aquilo que faça 
bater o coração da gente,

Quero sim, como quero...
Algo que me deixe contente
e que me esteja inerente
Quero sim, como quero...
Algo que esteja presente
e não uma coisa ausente,

Quero sim, como quero...
Algo que encha meu coração de gente
da mais pura emoção extremamente,

O que quero...
Algo que seja diferente
Quero  o amor de uma 
MULHER GENTE!...





PARA O FÁBIO
ALBERTO ARAÚJO
Enviado por ALBERTO ARAÚJO em 27/03/2007
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários