ALBERTO ARAÚJO - MEU RECANTO
Contos, versos e sentimentos à flor da pele.
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


AMOR - PLANTA RARA

 





No amor, decisões.
As paixões acumulam clarões
e transpassam as matas
e o azul Céu da alma.

Rítmicas luzes se desenham
na razão da aveludada matéria
do dorso prismático e calórico.

À margem da lua apinhada,
a brancura desnuda-te
e o violino toca a geométrica
cor dos teus olhos...

O amor é uma rara planta
perpetuada no coração.

É assim e sempre será
a naturalidade desta
torrente flecha que nos atinge.




 
 


 
Edição de imagens:
Shirley Araújo

Texto: Amor - planta rara
ALBERTO ARAÚJO
Enviado por ALBERTO ARAÚJO em 29/01/2014
Alterado em 29/01/2014
Copyright © 2014. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários