ALBERTO ARAÚJO - MEU RECANTO
Contos, versos e sentimentos à flor da pele.
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


CHUVA DE AMOR





Chuva de amor...
Isso que me envolve!
Na vida é somente o que me interessa,
com suas asas fico protegido no ninho.

Tenho os lábios e olhos do sol.
Ouço a chuva de amor que cai do firmamento.
Grito, gritarei!
uma composição de paz.

Percorro, percorrerei...
o mundo que se transforma.
As árvores oferecem flores,
ajeitam folhas,
proporcionam frutos.

Os pássaros
como banjoístas esverdeados
soletram os telefonemas do sol...

O sol está no céu,
CÉU nitidamente azul,
deixa-o, passear pela vida.
VIDA...
perfeita e oportuna
deixa-o incitá-la a digerir
este planeta feito de carne sensível,
onde as ternuras são polens
e os raios arrastam a todos pelos cabelos.


Que derrame amor,
o destino de quem ama
é ouvir violino...






Edição de imagens:
Shirley Araújo

Texto: Chuva de amor




 
ALBERTO ARAÚJO
Enviado por ALBERTO ARAÚJO em 24/07/2014
Alterado em 24/07/2014
Copyright © 2014. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários