ALBERTO ARAÚJO - MEU RECANTO
Contos, versos e sentimentos à flor da pele.
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


ÍNTIMO MEU





Eis o exposto
o íntimo do mais íntimo
a boca inesperada
o tato renascido
a arte que transforma a terra
a veia que atinge o sentido das coisas
e sobrevoa sons e faíscas

dizer-te com os olhos afetuosos
estendendo-te os braços
escuta – é o AMOR

Há desejos no coração
e a alma ampola imortal
esplende no mar emblemático de mim

Eu olho com olhos ditosos,
Há, nos olhos alegrias e felicidades...

a magnificência de ser poeta aqui está:
Que eu viva seus ministérios
e sublimado invoco as palavras
para derrubarem os obstáculos

Eu amo esse pélago provido de azul
e a Via láctea que lança
o fogo do dragão

Algo em mim atinge
o mistério dos horizontes
e no branco da lua - extasio






Edição de texto:
Shirley Araújo

Texto: Íntimo de mim



ALBERTO ARAÚJO
Enviado por ALBERTO ARAÚJO em 29/07/2014
Copyright © 2014. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários