ALBERTO ARAÚJO - MEU RECANTO
Contos, versos e sentimentos à flor da pele.
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


MUSA DAS ÁGUAS CLARAS






No lago cristalino do amor
suavíssimo e pressentido
em plena noite ondas azuis

Um revérbero lúcido
lua imensa nas águas brilhantes
do vivente poeta

É assim
as luzes e as melodias sediciosas
irrompem os silêncios

Aquário fulgente
que sorrateiro absorveu os pulsares
do Deus-menino em suas teias

cavalgadura sobre o ocaso
e o mistério de mulher cerca os latejos
dos sonhos mais profundos de uma Deusa

Aprendi como ser rei de forma ponderável
como mergulhar na beleza
do véu de seu jardim de rosas

E completa o dia
O rio com suas águas claras envolvem as pedras
o sol penteia os cabelos...

e o cisne desliza com suas asas imponentes
sobre o sereno lago de amor de Shirley






Edição de imagens:
Shirley Araújo

Texto: Musa das águas claras


ALBERTO ARAÚJO
Enviado por ALBERTO ARAÚJO em 30/07/2014
Alterado em 30/07/2014
Copyright © 2014. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários