ALBERTO ARAÚJO - MEU RECANTO
Contos, versos e sentimentos à flor da pele.
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


HÁ SEMPRE ALEGRIA NA CIDADE





 
Para o Russô Dias





Ao executar a partitura,
na cidade existe alegria...
Após o nascer do sol
a sua arte musical é respeitada.

Bem-aventurado homem
que debruçado em suas paixões
faz feliz a humanidade...


Por vezes Deus o agrupou
aos passarinhos
que pousaram felizes
na lâmpada de seus frutos.

A viva seta contagiante
alastra-se pelo linho
do fluente umbral aceso.



Na claridade todo seu
ensinamento competente,
gole a gole foi fartura
que sorveu os frêmitos das sombras.

Os dias de mestre...
lá no recipiente da sabedoria,
foram completos...
Todos os discentes provavelmente
absorveram a sua veia jugular.

O nome do oceano:
José Roosevelt Dias,
carinhosamente chamado de Russô.

Experiente professor...
Que desenovela músicas e escreve poesias.

Todos os dias suas sementes dão frutos
e gotejam na cidade crepuscular
e os sumos fazem-se escalas à nossa porta...

Ondulante barco levando
a alegria de sua música
para o palco secular da vida.

Por certo bordará sempre
dilúvios de felicidade...




Edição de imagens:
Shirley Araújo

Texto: Há sempre alegria na cidade



 
ALBERTO ARAÚJO
Enviado por ALBERTO ARAÚJO em 23/08/2014
Alterado em 23/08/2014
Copyright © 2014. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários