ALBERTO ARAÚJO - MEU RECANTO
Contos, versos e sentimentos à flor da pele.
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


CORAÇÃO BELO



 
E agradeço-te,
ó mulher bela,  
 por deixares em teu coração, 
recanto de fragrâncias angelicais,
aninhar as minhas
folhas e ramagens
manifestações que  se germinam
do meu oceano frondoso e nordestino.

 
Agradeço-te,      
 ó mulher das estrelas,
por colocar-me no centro da sala
onde os pirilampos acendem os faróis
e, o mais cativante,
junto ao fogo do teu cintilante amor.
 
Assim,  
 escancaro a alegria
e escuto os calores
dos cantos jamais cantados.
 
Dois encantos te definem:
delicadeza e bondade.
Visões alcandoradas
e  iluminadas
na beleza sensível
 do  teu interior.





Edição de imagens:
Shirley Araújo

Texto: Coração belo




 
ALBERTO ARAÚJO
Enviado por ALBERTO ARAÚJO em 27/11/2014
Alterado em 27/11/2014
Copyright © 2014. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários