ALBERTO ARAÚJO - MEU RECANTO
Contos, versos e sentimentos à flor da pele.
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


SENSATO CORAÇÃO






O dia nasceu em meu deserto.
Tudo está claro e fértil.
A correnteza do amor 
trouxe a paz, o desejo 
e a paixão que,
Apoderaram-se do meu peito.
Ó sensato coração 
jorra as tuas ondas sonoras, 
lança o teu ouro de mina nas areias
Dos que não sabem o que é o amor.
E, quando a luz do sol poente apagar,
Vá ao horizonte 
e desperte a minha majestosa pátria, 
para que, distribua,
O amor nos corações partidos e perdidos.

ALBERTO ARAÚJO
Enviado por ALBERTO ARAÚJO em 06/11/2007
Alterado em 09/11/2007
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários