ALBERTO ARAÚJO - MEU RECANTO
Contos, versos e sentimentos à flor da pele.
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


TERRAL (LEMBRANÇAS)







De minha terral natal

Lembro-me da casinha branca onde morei
Das manhãs claras e tranqüilas
De meu galo de campina...

Das brisas que traziam nas asas um lindo som terral
Dos meninos que cortejavam as meninas do colegial
De minha mãe sempre a esperar-me com um sorriso
Angelical...

Do olhar perolado da moça que contava dinheiro
No caixa do supermercado.
Dos coqueirais em policromia musical

Oh!... Deus que saudades!...

ALBERTO ARAÚJO
Enviado por ALBERTO ARAÚJO em 21/01/2008
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários