ALBERTO ARAÚJO - MEU RECANTO
Contos, versos e sentimentos à flor da pele.
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


...É POESIA





Todo acontecimento que no
Corpo da gente alegra-se.
É poesia...

A palavra nova a cada dia
Exposta na praça,
O pensamento lúcido trazido
Pelo vento.
É poesia...

A sapiência do amor...
O ciúme que te cobre os músculos.
É poesia...

A efusão lírica de um beijo na boca,
O entreabrir dos olhos no amanhecer
A essência captada da paixão.
É poesia...

O apanhar dos búzios nas areias dos mares
A caricia plena que enlaça a pele sensível
O sofrer da solidão quando lambe o peito,
A alegria, quando deciframos o amor.
É poesia...

A perfeita harmonia dos céus quando nos dá bom dia
A luz crepuscular do sol quando imprime o selo nas tarde
Silenciosas.
Tudo que o poeta escrever e descrever concreto e abstrato.
É poesia...

ALBERTO ARAÚJO
Enviado por ALBERTO ARAÚJO em 15/02/2008
Alterado em 15/02/2008
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários